(19) 99259-8276
arnaldolemos@uol.com.br

Curso de Serviço Social

1º MÓDULO

2º MÓDULO

3º MÓDULO

CRONOGRAMA

NOTAS

1º MODULO

O BRASIL RURAL

Estudaremos o Brasil Rural por meio dos seguintes textos:

1. Sociedade Brasileira Tradicional e o capitalismo

2. A passagem do trabalho escravo para o trabalho livre

3. Sociedade agrária brasileira “tradicional”

4. Desenvolvimento capitalista e lutas sociais no campo (1940/1964)

5. A questão agraria no Regime Militar

6. As Classes Trabalhadoras Rurais no Brasil contemporâneo

Um conjunto de slides nos mostra a LINHA DO TEMPO no Brasil.

Para cada texto teremos um conjunto de slides:

SOCIEDADE BRASILEIRA TRADICIONAL E O CAPITALISMO

A PASSAGEM DO TRABALHO ESCRAVO PARA O TRABALHO LIVRE

SOCIEDADE AGRÁRIA BRASILEIRA “TRADICIONAL” e CONFLITOS SOCIAIS NO CAMPO"

DESENVOLVIMENTO CAPITALISTA E LUTAS SOCIAIS NO CAMPO (1940/1964)

A_QUESTAO_AGRARIA_NO_REGIME_MILITAR(1964-1085).ppt)

AS CLASSES TRABALHADORAS RURAIS NO BRASIL CONTEMPORANEO

O estudo será acompanhado com a apresentação dos vídeos sobre a Historia do Brasil, de Boris Fausto.

A primeira avaliação será constituída de uma prova, editoriais apresentados e os estudos de equipe.

Para a prova deverão ser estudados os caps. 1, 2, 3, 4,5, 6 e 7.

Haverá também, junto com a primeira avaliação, atividade de filme.

Primeira atividade (com a primeira avaliação): assistir ao filme Quanto vale ou é por quilo". Haverá uma copia do filme no Laboratório de Informática à disposição dos alunos.

Além do filme, os alunos deverão ler o texto A historia da escravidão no Brasil e fazer um relatório.

2º MODULO

O BRASIL URBANO

No segundo módulo estudaremos os seguintes textos

1. O processo de industrialização do Brasil

2. As lutas operarias das primeiras décadas do século XX

3. Estado e Classes Sociais no Brasil

4. A Ditadura Militar no Brasil

Slides:

O PROCESSO DE INDUSTRIALIZAÇÃO NO BRASIL

AS LUTAS OPERARIAS NAS PRIMEIRAS DECADAS DO SECULO XX

Para ilustrar este tema assista ao documentário “Os Libertários” (copia na Informática)

ESTADO_E_CLASSES_SOCIAIS_POS_30

Para ilustrar o tema assista ao documentário “Getulio Vargas” (copia na Informática)

A DITADURA MILITAR NO BRASIL

3º MODULO

VIOLÊNCIA E SOCIEDADE (Projeto Coletivo)

1. OBJETIVOS

1.1. Objetivo Geral – Analisar e pesquisar com os alunos do 2ºsemestre temas que relacionem Violência e Sociedade, despertando a compreensão da realidade brasileira, bem como a aquisição de uma leitura do contexto social e do papel que ocuparão na sociedade como profissionais do Serviço Social.

1.2. Objetivo específico - Realizar um projeto de pesquisa por meio de equipes sobre temas relacionados ao projeto “Violência e Sociedade”.

2. JUSTIFICATIVA

Existe um mito da não violência da sociedade brasileira. Na realidade, tanto no processo histórico como na atualidade é visível a violência em nossa sociedade. Na formação do assistente social é fundamental pesquisar e analisar a violência em seus diversos aspectos.

3. METODOLOGIA

3.1. O segundo módulo será desenvolvido por meio de um projeto coletivo, constituído de seminários sob temas relacionando violência e sociedade.

3.2. Serão formadas sete equipes para o desenvolvimento dos seminários. Cada equipe deverá ter um líder.

3.3. As equipes serão formadas dentro das monitorias, tres em cada monitoria.

3.4. SEMINARIO não é uma aula expositiva; é uma técnica de dinâmica de grupo que pode ser utilizada com a finalidade de propiciar aprendizagem significativa a estudantes, envolvendo todos os participantes.

3.5. Cada seminário será baseado num texto básico e num filme.

3.6. Cada seminário será constituído de três momentos.

1. Apresentação do tema.

2. Questionamento da apresentação.

3. Avaliação da apresentação.

Em cada seminário haverá a participação de três equipes, uma para cada momento.

1º Seminario - Equipes 1 – 4 – 5

2º Seminario - Equipes 2 – 5 – 4

3º Seminario - Equipes 3 – 6 – 2

4º Seminario - Equipes 4 – 1 – 6

5º Seminario - Equipes 5 – 3 – 1

6º Seminario – Equipes 6 – 2 - 3

PRESENTAÇÃO DO TEMA

3.7. Para cada seminário, haverá um texto-base e um filme. A equipe que for apresentar o seminário deverá se fundamentar no texto-base e no filme e relacioná-los. Poderá utilizar também outros textos a serem pesquisados.

3.8. A equipe deverá desenvolver o seminário.

  1. Introdução (objetivos, justificativa, referência teórica, metodologia).

  2. Desenvolvimento (que pode ser dividido em partes ou capítulos).

  3. Conclusão.

  4. Referências bibliográficas.

3.9. No seminário a equipe deverá atender as seguintes questões:

  a. Análise sociológica do tema.

  b. Relacionar o tema com o Estado (o que o Estado tem a ver com o tema: ações e políticas públicas.

  c. Relacionar o tema com a Sociedade Civil (o que a sociedade tem a ver com o tema).

3.10. A equipe que for utilizar aparelhos áudio-visuais (retro.tv/vídeo,data show) deverá agendar com antecedência, no SAAD.

3.11. Poderá trazer também convidado, desde que seja para participar do seminário e não para fazer palestra.

3.12. A apresentação é só oral. Não há necessidade da entrega de trabalho escrito.

QUESTIONAMENTO DA APRESENTAÇÃO

3.13. A equipe do questionamento deverá apresentar um relatório sobre o texto-base do seminário contendo quatro pontos:

 • Resumo do texto

 • Levantamento do problema fundamental do texto

 • Relação do texto com o filme

 • Levantamento de três questões sobre o texto e/ou filme

3.14. Os relatórios dos textos-base poderão ser manuscritos ou digitados. Sendo manuscritos, deverão ter uma primeira pagina digitada, contendo o nome dos membros da equipe, do monitor, da turma, do período. Os relatórios que não seguirem estas normas não serão considerados. Não serão aceitos relatórios após a apresentação do seminário.

3.15. Após a apresentação do seminário, a equipe apresentará questões que devem ser respondidas pela equipe de apresentação.

AVALIAÇÃO DA APRESENTAÇÃO

3.16. A equipe de avaliação constituirá uma banca encarregada de dar uma nota à apresentação por meio de uma ficha de avaliação de todos os elementos do seminário: conteúdo, forma de apresentação e debates. Cada membro da banca dará uma nota de 0 a 6, que junto com a nota do professor constituirá a nota do seminário.

CONCLUSÃO

Todos os alunos deverão:

1. Fazer apresentação de um seminario.

2. Fazer questionamento de um seminario, com apresentação de relatorio.

3. Fazer avaliação de um seminario.

AVALIAÇÃO DO SEGUNDO MÓDULO

Para os que fazem seminário:

Apresentação do Seminário - 6,0

Questionamento do Seminario (Relatorio) - 1,0

Monitoria - 1,0 (Participação nas atividades presenciais ou à distância)

Questões - 2,0 (0,5 cada)

4. TEMAS DOS SEMINARIOS

1º SEMINARIO - O DIREITO E A VIOLÊNCIA DO ESTADO

Texto básico: A VIOLENCIA DO ESTADO

Filme: BATISMO DE SANGUE, Brasil, HelvetioRatton

São Paulo, fim dos anos 60. O convento dos frades dominicanos torna-se uma trincheira de resistência à ditadura militar que governa o Brasil. Movidos por ideais cristãos, os freis Tito (Caio Blat), Betto (Daniel de Oliveira), Oswaldo (Ângelo Antônio), Fernando (Léo Quintão) e Ivo (Odilon Esteves) passam a apoiar o grupo guerrilheiro Ação Libertadora Nacional, comandado por Carlos Marighella (Marku Ribas). Eles logo passam a ser vigiados pela polícia e posteriormente são presos, passando por terríveis torturas.

2006 Direção e Produção: Helvécio Ratton

Datas de apresentação –

2º SEMINARIO - A VIOLÊNCIA NO TRABALHO

Texto básico: DIREITO E VIOLENCIA NO MUNDO DO TRABALHO

Filme: O CORTE (Le Couperet), França, 2005, Costa Gravas

Bruno Davert é um executivo que trabalhou durante 15 anos numa corporação industrial. Por conta de reestruturação na companhia, ele é demitido. Dois anos depois, ainda desempregado, e no auge do desespero, ele traça um plano diabólico para conseguir o emprego: eliminar seus concorrentes.

Datas de apresentação –

3º SEMINARIO - A VIOLÊNCIA DE GÊNERO

Texto básico: O DIREITO E A VIOLENCIA DE GENERO

Filme: O ABORTO DOS OUTROS, 2008, Carla Gallo

“O Aborto dos Outros” é um filme sobre maternidade, afetividade, intolerância e solidão. A narrativa percorre situações de abortos previstos em lei ou autorizados judicialmente, feitos em hospitais públicos, e situações de abortos clandestinos. O filme mostra os efeitos perversos da criminalização para as mulheres e aponta a necessidade de revisão da lei brasileira.

Datas de apresentação –

4º SEMINARIO - A VIOLENCIA DAS DROGAS

Texto básico: O DIREITO E A VIOLENCIA DASDROGAS

Filme: QUEBRANDO O TABU (BreakingtheTaboo), 2011

Direção: Fernando Grostein Andrade

Há 40 anos, os EUA levaram o planeta a declarar guerra `^as drogas, numa cruzada por um mundo livre delas. Mas, de lá para cá, os danos causados pelas drogas só cresceram. Abusos, informações equivocadas, epidemias, violência e o fortalecimento de redes criminosas são os resultados da guerra perdida numa escala global. Num mosaico costurado por Fernando Henrique Cardoso, Quebrando o Tabu escuta vozes das realidades mais diversas em busca de soluções, princípios e conclusões. Bill Clinton, Jimmy Carter e ex-chefes de Estado, como Colômbia, México e Suíça, revelam como mudaram de opinião sobre um assunto que precisa ser discutido e esclarecido. Do aprendizado depessoas comuns, que tiveram suas vidas marcadas pela Guerra das Drogas, até experiências de Drauzio Varela, Paulo Coelho e Gael Garcia Bernal, Quebrando o Tabu é um convite a discutir o problema com todas as famílias.

Datas de apresentação –

5º SEMINARIO - A VIOLENCIA URBANA

Texto básico: O DIREITO E A VIOLENCIA URBANA

Filme: ONIBUS 174, José Padilha

Este documentário é sobre o sequestro do ônibus 174, em 12 de junho de 2000, na zona sul do Rio de Janeiro.

O sequestro foi filmado e transmitido ao vivo pela televisão, cujas imagens são mostradas no documentário, porém um dos argumentos sustentado pelo autor do filme é que o rapaz em foco tenha sido vítima de um processo de exclusão social a tal ponto, que ele tenha se bandeado para o crime, não por escolha própria, mas por abandono por parte das autoridades do Estado do Rio de Janeiro.

O documentário mostra o processo de transformação da criança de rua em bandido e sugere as causas da violência nas grandes cidades do Brasil.

Datas de apresentação –

6º SEMINARIO - A VIOLENCIA NO CAMPO

Texto basico: O DIREITO E A VIOLENCIA NO CAMPO

Filme: NAS TERRAS DO BEM VIRÁ, 2007, Alexandre Rampazzo e Tatiana Polastri

O percurso histórico de um modelo de desenvolvimento criado nos anos 70, no auge da ditadura militar. A partir da ênfase em grandes projetos e estradas atravessando a Amazônia, ocorre uma aceleração do processo de migração. Como consequência surgem conflitos armados, devastação da floresta, casos de trabalho escravo, luta pela terra e assassinatos, como o dos sem-terra de Eldorado dos Carajás e da missionária americana Dorothy Stang.

Datas de apresentação -

AGOSTO

SETEMBRO

OUTUBRO

NOVEMBRO

DEZEMBRO

AGOSTO

  • 07 - 09. Apresentação do PED – Linha do Tempo
  • 14 – 16. Primeiro Módulo – O Brasil Rural - Sociedade Brasileira Tradicional e o Capitalismo
  • 21 – 23. Primeiro Módulo – O Brasil Rural - A passagem do trabalho escravo para o trabalho livre
  • 28 - 30. Primeiro Módulo – O Brasil Rural - A sociedade agrária tradicional e os conflitos no campo messianismo e cangaço

SETEMBRO

  • 04 - 06. Primeiro Módulo – O Brasil Rural - Desenvolvimento capitalista e lutas sociais no campo
  • 11 - 13. Primeiro Módulo – O Brasil Rural - As classes trabalhadoras rurais no Brasil contemporâneo
  • 18 – 20. Primeiro Módulo – O Brasil Rural - Avaliação escrita do Primeiro Modulo
  • 25 – 27. Segundo Módulo – O Brasil Urbano - O processo de industrialização no Brasil

OUTUBRO

  • 02 – 04. Segundo Módulo – O Brasil Urbano - As lutas operarias nas primeiras décadas do século XX
  • 09 - 11. Segundo Módulo – O Brasil Urbano - Estado e Sociedade Pós- 30
  • 16 – 18. Segundo Módulo – O Brasil Urbano - Estado e Sociedade Pós- 30

NOVEMBRO

  • 01. Segundo Módulo – O Brasil Urbano - A Ditadura Militar
  • 06 - 08. Segundo Módulo – O Brasil Urbano - A Ditadura Militar
  • 13. Segundo Módulo – O Brasil Urbano - Avaliação do Segundo Modulo
  • 15. FERIADO
  • 20. FERIADO
  • 22. Seminário 1 - Violência do Estado
  • 27. Seminário 2 - Violência no Trabalho
  • 29. Seminário 3 - Violência de Gênero

DEZEMBRO

  • 04. Seminário 4 - Violência das Drogas
  • 06. Seminário 5 - Violência Urbana
  • 11. Seminário 6 - Violência no Campo
  • 13.
  • 18.
  • 20.

(19) 99259-8276

arnaldolemos@uol.com.br

Projeto Web